terça-feira, 28 de setembro de 2010

Biografia

 Escafandro em solidão necessária! Companheiros de vida serão palavras selvagens, laudas de mar, céus infinitos em rimas. Submersos versos de mim!!!

Nenhum comentário: