domingo, 5 de dezembro de 2010

Linhas de arquiteto



nunca te pensei arquiteto das minhas curvas,
mãos tuas onde o meu corpo se desfaz inteiro...





Nenhum comentário: