terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Quimeras de Dorian Gray



És tão bela, amor - dizia-lhe.
 Um dia, a loucura o tomou de assalto.
 A emoldurou!!
 E ficava admirando-a,
imóvel,
 ali,
na parede
 nua..



 


Nenhum comentário: