domingo, 16 de outubro de 2011

Os barcos, os portos e todos os abismos



E navegamos, insanos, sem destino..
Porque em ti há muitos portos e eu,
eu sou o barco
 e todos os abismos..

O mar e os barcos - Turner

Nenhum comentário: